Campinas Decor 2013 - Parte 3

Boa tarde! :)

Hj eu vim postar a última parte das fotos da Campinas Decor 2013, eu ainda vou fazer a série de posts detalhando mais cada tendencia, conforme eu havia prometido. Antes eu queria dar ênfase a um ambiente que é o meu favorito de toda a mostra:


Lounge do Restaurante
Colorido, moderno e inovador!
Cores escuras nas paredes, uma tendencia Norte Americana incrível que está chegando por aqui, aliada ao pé direito alto e objetos de decoração em cores quentes, ambiente lindo, animado e jovem, amei!















Os arquitetos Leticia Telles Muzetti e Fábio de Almeida Muzetti buscaram a integração entre o lounge e o restaurante, criando uma área de eventos e descanso no ambiente. Para isso, utilizaram o Steel Frame, uma estrutura de aço que permite agilidade na montagem e retenção de desperdícios na obra. O ambiente com mais de 80 m² tem como material predominante o aço estampado, que, além de trazer a beleza ao local, é resistente à ação do tempo e uma novidade no mercado. O piso original da casa foi mantido e combinado à  base nas cores branca, amarela e vermelha.

                          Alguns detalhes:


Perfeito!



E aqui os ambientes que ainda faltavam:


Closet do Casal
Visando a praticidade, a arquiteta Mariela Klann Fonteyne dividiu o Closet do Casal, de 14,40 m², em dois setores: feminino e masculino. O setor feminino ocupa a maior parte do ambiente e comporta cinco módulos de armário, com espaços para todos os itens do vestuário (cabideiro, prateleiras, gavetas e sapateiras). O setor masculino ocupa toda a parede oposta ao setor feminino, onde existe uma porta para o acesso ao banheiro do casal, o que permitiu comportar e módulos de armários também destinados aos vários itens de vestuário. Os armários não possuem porta e cada gaveta recebe adesivos nomeando o que está guardado ali. O destaque do ambiente é um móvel multiuso sobre rodinhas, que serve para guardar sapatos, sentar, arrumar malas e utilizar como pequena escada para o acesso aos lugares mais altos. A arquiteta optou por móveis com revestimento melamínico com textura de linho na cor cinza e pintura laqueada turquesa, além de utilizar papel de parede em tons de cinza, cortina em linho branco e cinza e piso em madeira clara, dando um ar de aconchego para o ambiente.



Adega
Dois ambientes compõem a Adega criada pela arquiteta Aline Facanali, dividindo o espaço de 25 m²: um de armazenamento, no subsolo, e outro no térreo para degustação das bebidas. No subsolo, o espaço é climatizado, aconchegante, com capacidade para armazenar 2.000 garrafas de vinho. Já no térreo, foi criado um ambiente para degustação e convívio social, onde existem adegas climatizadas e espaço para consumo dos vinhos. A iluminação é composta por um plafon de cristal champanhe e arandelas. O destaque é o duto de ventilação do subsolo que passa pelo térreo e foi inserido nos ambientes como elemento decorativo. Revestindo piso e paredes, foram usadas placas cimentícias. Os quadros são de autoria da artista plástica Maria Isabel.




Loja Lúcia Freitas
Para esse espaço, a designer de interiores e engenheira civil Erica Terossi Arabicano apostou em cores claras e suaves para valorizar os objetos e peças de decoração expostos. Os revestimentos chamam a atenção: o piso é de material e acabamento rústicos, a parede recebe cobertura de palha natural nas cores branco e dourado e o teto ganha papel de parede com textura de pelo de animal. O cobre dá a cor ao tapete e muitos espelhos nos móveis dão a sensação de multiplicar o espaço.




Lavabo dos Escritórios
As designers de interiores Lydia Bonini e Patrícia Magalhães tiveram como proposta criar, numa área de aproximadamente 4 m², um ambiente charmoso combinando diferentes materiais e texturas. A cor berinjela foi o ponto de partida, colorindo a bancada em mosaico de vidro artesanal, no qual o vidro acompanha as curvas da bancada. Outro objeto que chama a atenção é o painel de madeira em formato irregular, que com a composição do espelho, forma uma esfera e disfarça a bacia sanitária. As obras de arte foram criadas pelo artista plástico Dennis Esteves. O piso escolhido foi o de pedra natural e as paredes receberam revestimento cimentício incrustado com pastilhas de vidro.





Escritório da Marchand
Os arquitetos e urbanistas Carlos Henrique Oliveira Nascimento e Renato Vieira Barbosa, participando pela 8ª vez da mostra, tiveram como proposta para o ambiente criar um espaço clássico e confortável. O destaque  são as obras dos artistas plásticos Luis Roberto de Castro Rios e Adelina Rios. A iluminação chama a atenção por seus detalhes em cristal e renda. Visando a praticidade, os profissionais escolheram pisos e papéis de parede vinílicos para revestir tanto o escritório quanto o banheiro anexo. Os mobiliários do espaço são em madeira e laca, seguindo a cor predominante bege do ambiente. Já os objetos de decoração, do próprio acervo dos expositores e colhidos em viagens, além das novidades das lojas parceiras, ganham cores vibrantes para se sobressaírem no ambiente.




Escritório da Designer de Sapatos
Criado pelas designers de interiores Claudia Poltronieri e Maria Cecília Manini, o ambiente explora a moda por meio de cores, texturas, tecidos e estilos. A parede revestida em veludo em duas cores complementares (berinjela e mostarda) é o ponto alto  do ambiente, que também tem pintura em concreto. Outro destaque é o luxuoso lustre em cristal. Para facilitar a visão dos clientes da designer de sapatos, as profissionais apostaram em prateleiras de vidro no centro de molduras, com iluminação focada nos sapatos, destacando os materiais usados na sua  confecção, além de revistas, livros de arte, entre outros utensílios usados pela designer. Para mostrar as criações, caixas de acrílico dispostas uma sobre a outra, em ângulos diferentes, formam duas colunas, uma mais alta e outra mais baixa. Seguindo o estilo contemporâneo, o ambiente tem o tom de cinza como predominante, ressaltado pelo uso do concreto.



Varanda e Jardim
A proposta da designer de interiores Patrícia Godoi para a Varanda, de 20 m², foi criar um espaço que seja utilizado tanto como bar quanto atelier. Para decorar o ambiente foram escolhidas telas impressas em canvas e quadros com frases. Toda iluminação é feita com arandelas. Já no Jardim, de 40 m², foram mantidos os tijolos aparentes da casa e as molduras que completam o estilo Provence. O paisagismo utiliza murtas, pedriscos e camélias. No piso, ladrilhos hidráulicos e piso de madeira multistrato. Destaque para as cores Fendi e preta.




Home Office do Incorporador
Os arquitetos e urbanistas Denise Dal Gallo Bertolini e Marcelo Bertolini tiveram como objetivo criar um ambiente agradável e descontraído para que o profissional possa complementar seu trabalho de forma confortável e integrada à vida familiar. Para garantir essa união, a sala é conectada ao espaço externo da casa por meio de porta articulada. O ambiente, de 15,4 m² e em estilo contemporâneo, mistura diversos materiais: desde os ladrilhos decorados, cadeiras de palhinha e o pé da mesa feito com pedaço de árvore podada, até o imponente mármore italiano, a moderna tela de projeção feita em vidro e a iluminação contemporânea, com LEDs embutidos no mobiliário, pendentes e abajures.




Banheiros Públicos PNE
As arquitetas e urbanistas Fernanda Alessio e Tatiana Tannuri, que estreiam na mostra, utilizaram o espaço de 25 m² para criar um espaço aconchegante e, ao mesmo tempo, refinado e usual. As cores neutras, predominantemente branco, cinza e preto, aliadas ao dourado, trouxeram um ar clássico ao projeto contemporâneo. A articulação de diferentes elementos, tais como  pedra, madeira, papel e vidro, associada a uma iluminação diferenciada, traz diferentes texturas ao ambiente. O destaque é o pendente com detalhe em folha de ouro utilizado na iluminação.




Nosotros Bar
Baseada nas tradicionais casas de drinks e tapas da Espanha, a proposta do arquiteto urbanista Otto Felix para o espaço é ser ousado, porém sofisticado. Vigas de madeira, cacos de pedra, estruturas metálicas e de gesso foram transformados em um bar de 140 m². O balcão, com 8 m de comprimento, é um dos destaques. Com diferentes angulações, o móvel cria uma composição inusitada com a parede de fundo do bar, que por sua vez ganha uma estrutura metálica, revestida com gesso também multifacetado e recortado, formando uma escultura. Uma lareira e uma adega junto à parede de pedra compõem o projeto, que conta ainda com um espaçoso lounge de sofás modulados, que criam quatro ambientes distintos para os visitantes.



Espaço Altero
Para criar o Espaço Altero, dedicado à empresa que é uma das patrocinadoras da mostra, os arquitetos João Jannini e Cristina Sagarra  tiveram a intenção de criar um ambiente que despertasse sensações e surpresas aos visitantes. Com predominância das cores vermelha e preta, o local ganha vida com uso de água, luz, vegetação e vidro. Destaque para o show de águas com os chuveiros Altero automatizados, com direito a luzes e feixes. O ambiente, de 50 m², ainda conta com um balcão escultural e iluminação com back-light, que utiliza um painel translúcido e outro transparente, proporcionando um jogo de profundidade.




Espaço Mabe
Neste espaço dedicado ao patrocinador Grupo Mabe (eletrodomésticos), os arquitetos Adriano Stancati e Daniele Guardini Stancati mesclaram a loja com um ambiente de cozinha e jantar, dividindo assim os 77 m² do espaço original. No espaço da loja, foram criadas três mini-cozinhas com linhas diferentes. Separada por uma mesa/pórtico de atendimento,  fica a cozinha gourmet. Nessa cozinha, uma parede de epóxi concentra todos os equipamentos embutidos e algumas portas e gavetas que,  pintadas com o mesmo acabamento, se camuflam à mesma. Um rasgo horizontal de canto reserva espaço para ervas e temperos, que ficam à mão na hora de preparar os pratos. Acima dessa parede, o revestimento da plaquetas de barro iluminadas por fachos de luz deixa o ambiente mais aconchegante. Na ilha gourmet,  a bancada de quartzo em tom chumbo abriga o cooktop e os dominós para barbecue e indução, todos, lançamentos, flat, que ficam faceando a pedra. A cuba, em grande formato, facilita o uso. No espaço da sala de jantar, duas  mesas quadradas acomodam até 12 pessoas. As bases, feitas de tronco de árvore, trazem a natureza ainda mais para dentro do  cotidiano. As  cadeiras medalhão enobrecem o clima, reforçado pela pintura prata envelhecida, e o tecido numa linha "missoni ispired", complementa. Sobre as mesas, dois lustres em malha metálica e resina criam uma atmosfera de outono, parecendo folhas que caem no entardecer. Na parede ao fundo, uma grande estante, parte aberta e parte fechada, finaliza a decoração e ainda funciona como armário  para  todos os produtos e utensílios da cozinha gourmet.




Brinquedoteca
Trazer as brincadeiras simples, como fantasiar e pintar, para o cotidiano das crianças foi a proposta da arquiteta e urbanista especializada em acessibilidade Mel Godoy ao criar a Brinquedoteca. O ambiente colorido, em tons fortes e primários, tem como destaque o palco montado para as crianças desenvolverem apresentações e assim trabalharem a fantasia. A profissional usou materiais com pontas mais arredondadas, na altura adequada às crianças até oito anos. Os móveis em MDF são laqueados e coloridos. Para facilitar o dia a dia, o piso escolhido foi o vinílico.




Restaurante
O arquiteto Anderson Leite revisitou o estilo old school na combinação de cores, estampas, texturas com pequenas interferências e “descombinações”. Para aflorar a brasilidade, além dos vasos de cactos, a opção foi a estamparia sob encomenda baseada no artesanato indígena, transposto para uma linguagem contemporânea, geométrica e monocromática. Ao todo são 12 estampas reproduzidas em tecidos italianos que revestem todas as cadeiras e poltronas do ambiente, além de almofadas, tapete, cortinas, papel de parede e cachepôs de madeira laqueada cortada a laser. O arquiteto usou mármore turco no painel e na lareira. Uma coleção de arte pop contemporânea que brinca com as referências “gringas” de brasilidade, neon, um lustre exclusivo e uma combinação excêntrica de móveis de diferentes linhas, épocas e estilos complementam a ambientação.




Garagem
“A casa do homem é seu castelo, mas sua garagem é seu santuário”. Essa frase ilustra o projeto do arquiteto e designer de interiores Octavio Zillo Bosi, que criou uma “garagem living” na qual o dono da casa pode curtir o carro, ouvir músicas e assistir seus filmes preferidos. Para criar esse santuário, utilizou um gesso com textura no teto que remete a uma grande chapa de aço enferrujada suspensa, em aço corten. O revestimento das paredes é feito à base de garrafas PET recicladas com pó de pedra, produto ecologicamente correto, resistente, à prova de pichações, que imita o mármore travertino. O piso em cerâmica hidráulica de alta resistência remete aos desenhos dos revestimentos que decoravam os casarões e igrejas do início dos anos 1900.  A iluminação é toda indireta, com LEDs dimerizados, proporcionando conforto visual ao utilizar a tela de projeção (TV). Para decorar o espaço, um aparador de 4,5 metros de comprimento em madeira maciça de reflorestamento e telas de artistas brasileiros contemporâneos. Além da parte coberta (57 m²), o ambiente conta com uma área externa com paisagismo (33 m²).




Até a próxima! Bjo






2 comentários:

  1. lindo seu blog

    to te seguindo pode retribuir?
    www.portaldebeleza.com

    ResponderExcluir