Campinas Decor 2013 - Parte 2

Bom dia! :)
Hj estou postando a 2º parte dos ambientes da Campinas Decor 2013




Saleta de Leitura
A arquiteta e urbanista Tatiana Temperani teve como proposta criar um ambiente aconchegante para leitura, utilizando peças famosas pelo design e pela funcionalidade. Para isso foi utilizado mobiliário assinado por brasileiros, como a Poltrona Mole (Sergio Rodrigues), a mesa de trabalho Squadro e a cadeira giratória Sherlock (assinados por Etel Carmona e executados em madeira freijó certificada). Além deles, a Luminária Twiggy, que se desloca através de contrapés, e o sofá com estrutura em couro e almofadas em tecido compõem o ambiente. Paineis digitais com impressões de jornais em 3D reinventam o uso do papel de parede. O piso é feito de bambu reciclável. Para otimizar o espaço, de 21,41 m², foi executada uma sanca para posicionar a luminária Twiggy na altura adequada para leitura e que se transformou em uma prateleira para apoio de obras de arte.




Estúdio da Designer
Criado pela designer de interiores Andrea Barroso, este estúdio tem os ambientes completamente integrados. O concreto terracor reveste as paredes. O tom branco, usado nas bancadas da cozinha e do bar, e os toques coloridos e quentes nos estofados adotados pela profissional conferem o ar de descontração do espaço, que possui estilo contemporâneo. Para o piso e o teto foi escolhida a madeira que, no teto, recebe a cor branca. Dentro da área da tecnologia, o destaque do ambiente é o Big Pad, utilizado como uma prancheta de trabalho, no qual a designer faz e estuda seus projetos. O estúdio ganha mais vida com o mobiliário, que conta com um quadro do artista Flávio Rossi, poltrona do Aristeu Pires, mesa de centro Guaimbê do design Paulo Alves, entre outros itens. Jardim da Fachada. Para desenvolver o ambiente, os paisagistas Ana Maria Freitas, Lúcia Helena Campanari e Nicolas Penteado tiveram a preocupação constante de conciliar os aspectos arquitetônicos do local com o estilo contemporâneo do projeto. O uso de materiais alternativos também foi observado, como no caso da parede divisória em gabião (estrutura armada feita com fios de aço), recheada com bolachas de madeira dos galhos da vegetação antiga do ambiente, que teve que ser removida. Os caminhos pelo jardim foram concebidos com piso cimentício, garantindo assim a acessibilidade de todos. A iluminação destaca formas e texturas das diferentes espécies vegetais, criando um jogo de luz e sombra. Os postes de iluminação já existentes foram aproveitados como objetos de arte e móveis luminosos foram inseridos. Entre as espécies, estão as Palmeiras Fênix (Phoenix roebelenii) refletidas no lago ornamental e Melaleucas (Melaleuca leucadendron), entre outras espécies.




Loft do Publicitário
As designers de interiores Nilza Alves e Rita Diniz, que participam desde a primeira edição da Campinas Decor, prepararam um ambiente prático para um publicitário de sucesso habitar. Seguindo o estilo contemporâneo e nos tons de cinza e preto, o loft com 100,38 m² possui apenas uma parede interna, usada para TV e para embutir uma porta de correr. O aposento recebeu porcelanato que imita cimento no piso da sala. Já para o quarto, a opção foi um aconchegante carpete mesclado. No banheiro, foram utilizados filetes de mármore nas paredes do box. Para controlar as tecnologias do espaço, as profissionais optaram por um moderno sistema de automação.






Sala Íntima da Família
O projeto da arquiteta Karina Leme foi elaborado pensando em um ambiente multiuso, que proporciona momentos de lazer, descanso, relaxamento e convívio. A sala, de quase 30 m², segue estilo contemporâneo/casual, com predomínio das cores cinza e off white. A iluminação suave e aconchegante foi definida com o uso de arandelas, coluna e abajures. Mescla de spots embutidos e externos no forro, assim como LEDs e spots externos nas estantes, proporcionam uma luz difusa e relaxante. O grande destaque do projeto é o uso da madeira freijó lavado na estante com nichos abertos (em pedra rústica clara) e lareira ecológica, no painel na parede e em alguns móveis.




Galeria do Colecionador
Atrair a atenção dos visitantes para as coleções expostas nesta galeria foi a proposta do designer de interiores Danilo Gustavo Regazzini. Para isso, o profissional tirou todo o foco do piso e paredes, uniformizando suas cores, e usou molduras pretas e brancas para destacar as coleções, todas verticalizadas nas paredes.  O visitante poderá ver selos antigos, chaves, cadeados e até uma máquina de copiar chaves da década de 50. A galeria ainda tem uma vasta coleção de cartões postais, fotos antigas de Campinas, chapéus e colares, além de uma coleção de carrinhos Matchbox, Toy art Vinylmation e Bonecos Playmobil, tudo isso fixado com ganchos adesivos nas paredes. Ao atravessar os 17 metros dessa galeria, os visitantes podem observar uma iluminação “lavando” as paredes, garantindo maior amplitude ao corredor e destacando as coleções com focos de luz. O destaque em iluminação fica por conta dos pendentes direcionáveis. O mobiliário limita-se a um grande aparador amarelo e aos Garden seats, que compõem a parte central do corredor, como estratégia para diminuir o comprimento do corredor e uma passadeira de patchwork de tapete Persa Reloaded.



 

Suíte do Jovem Cientista
O desafio dos arquitetos e designers de interiores Ana Maria Coelho e Felipe Karam foi criar um ambiente para um jovem de 20 anos, estudante de química, amante de música, tecnologia e preocupado com a vaidade. Gadgets, um computador e a televisão demonstram a paixão pela tecnologia e a inspiração no estilo “geek”. A presença de um grande closet com portas espelhadas reflete o lado vaidoso do jovem, já a lousa, escrivaninha e livros deixam claro o lado intelectual e explorador do jovem cientista. O destaque do projeto é a solução encontrada ao separar a cama do armário, feita por uma parede de drywall, revestida por painel de mosaico em madeira com diferentes profundidades, criando assim o espaço do closet, iluminado com lâmpadas de LEDs e com muitos espelhos. O piso é o Beaulieu Vinílico em régua.





Suíte da estudante de moda
Neste ambiente de cerca de 30 m², a arquiteta Katia El Badouy busca evidenciar o romantismo e a rebeldia de uma jovem de 18 anos. O ambiente tem base monocromática, o que permite destacar as referências de grandes nomes da moda. As cores aparecem em painéis coloridos, pequenos pontos em amarelo limão e dourado. Entre os destaques, papel de parede estampado em veludo, balanço, painel fotográfico com imagens em tamanhos reais, a área espelhada para maquiagens, cama de ferro solta no meio do dormitório, banheira vitoriana preta, local para sapatos e bolsas, local para manequim/moulage para desenvolver suas criações de moda e apoio para pequenas amostras de materiais para suas criações (botões, miçangas, fitas, gorgurão, veludo, linhas, agulhas, tesouras, fita métrica etc.).





Suíte das Gêmeas
As arquitetas Cecília Bellucci e Marina Marcolini criaram para as gêmeas de quatro anos um ambiente contemporâneo com um toque romântico, que atende às necessidades das crianças na hora da brincadeira, do estudo e do sono. Uma grande estante em laca branca com nichos coloridos dá vida ao ambiente, contemplando algumas funções como escrivaninha, penteadeira e TV. As camas em formato de casa de boneca tornam o quarto lúdico e charmoso. Os móveis de design em tamanho reduzido surpreendem, como as cadeiras Charles Eames coloridas. No banheiro, foram usados mini seixos no box e um gabinete sob a bancada em laca colorida. A iluminação é indireta, efeito conseguido com rasgos e cortineiros iluminados no gesso do ambiente de 30 m².






Quarto do Casal e Hall
As arquitetas Maria Cristina Sampaio Franco e Roseana Monteiro se uniram à designer de interiores Vani Mazoni para criar um ambiente tranquilo e clássico para o repouso do casal. As profissionais usaram cores claras, com tons de cinza e de bege, além do fendi e branco. A novidade do ambiente é a cama do casal, que é montada a partir de duas camas de solteiro. A automação permite movimentar de maneira independente tanto a cabeceira como os pés a partir de um controle remoto, proporcionando conforto na hora da leitura na cama ou mesmo para descansar as pernas após um dia de trabalho exaustivo. Como o espaço é amplo, com 25,14 m², o quarto ganhou ainda um ambiente de estar com lareira em mármore branco com mosaico de pedra mineira. Para a iluminação geral do quarto, as profissionais optaram por um pendente centralizado com a cama, com design de Marcel Wanders. Apesar de parecer muito simples se olhada por fora, internamente um trabalho floral delicado percorre toda a cúpula, com difusor em vidro murano. Já o hall, de 3,6 m², ganhou funções extras com a colocação de uma adega.





Banho do Casal
Criada pela designer de interiores Ana Mitzakoff, a sala de Banho do Casal tem o mundo árabe como referência, trazendo seus conceitos para o mundo contemporâneo ocidental. a prateleira pintada com motivos árabes e a divisória do ambiente evidenciam a inspiração. A tecnologia se mostra no assento sanitário com comandos especiais, como o de temperatura (esquenta/esfria) e no chuveiro de cromoterapia, que também permite ao usuário regular a intensidade de saída da água, imitando, por exemplo, os pingos da chuva. O piso e o revestimento de porcelanato greek importados, com zero por cento de absorção de produtos, facilita a limpeza e evita manchas no material, que imita pedra mineral.





Quarto de Brinquedos
Os arquitetos Julia Varon e Gustavo Sampaio partiram da ideia de que os brinquedos são bens de coleção e de design. O espaço foi pensado para um colecionador que tem como principal necessidade a exposição e armazenagem desses objetos. Elementos comuns e de fácil acesso são destaque, como os engradados que servem como estante e o ripado como “nova” forma de guardar brinquedos. Além disso, um urso de pelúcia também foi transformado em um abajur. Para dar uma sensação maior ao espaço de 5,60 m², foi utilizado o contraste de uma cor forte com o branco, tanto na parede quanto no teto. Um móvel rosado serve de apoio para as peças de destaque e ele próprio é todo chanfrado, lembrando jogos de vídeo-game. O piso escolhido foi o vinílico e a iluminação foi feita com diversos pontos de luz, nos quais as lâmpadas balão ficam presas direto no soquete.




Varanda da Família
Seguindo o estilo colonial americano, as designers de interiores Eliane Ferrari Cardoso e Fernanda Catarine Gonçalves criaram neste espaço de 40 m² uma área para o convívio da família e contemplação da paisagem, aproveitando a localização privilegiada – em frente ao jardim e à piscina. As cadeiras estilo Pavo Real, inspiradas nos pavões, destacam-se no ambiente. Cores sóbrias, no pantone do verde, off white e preto, e os tecidos naturais como linho e algodão reforçam a ideia de requinte do local.  As profissionais transformaram a varanda em um espaço para integração, pequenas refeições e encontros na frente da lareira. 





Café Decor
A arquiteta Bárbara Di Mônaco e a designer de interiores Solange Tannuri transformaram o espaço comprido e estreito, características da antiga varanda da casa, em um aconchegante ambiente para os frequentadores do Café Decor. Um dos destaques do ambiente é o forro do espaço, que foi inspirado no trabalho do arquiteto japonês Kengo Kuma, com a modulação de ripas de madeira de reflorestamento (pinus). No piso, porcelanato com textura natural. Já nas paredes, a opção foi usar pastilhas de vidro formando uma composição orgânica na cor vermelha. A parede também ganhou revestimento em espelho inclinado, com objetivo de ampliar o ambiente. Para a iluminação, spots com lâmpadas âmbar acentuam o efeito da madeira.




Piscina e Paisagismo
Neste projeto da arquiteta e designer de interiores Debora Leonardi e da paisagista Zucca Leonardi, a piscina que já existia na casa foi revestida com pastilhas coloridas e recebeu nova paginação qcom jogo de cores e iluminação de leds. No paisagismo, temperos formam canteiros, colorindo e trazendo aroma ao ambiente, além disso, foi feito o replantio da vegetação existente, com grande número de espécies. Os móveis foram feitos artesanalmente com alumínio e fibras em estilo contemporâneo, com tons predominantes em azul, verde e cinza.





Jardim do SPA
A arquiteta e paisagista Sabine Morel criou um caminho diferente composto por plataformas para que as pessoas cheguem até o spa, passando por um espelho d’água, um jato de água vindo do chão e um ponto de fogo (uma lareira externa no meio do espelho d’água). Os materiais empregados (tijolo, pedras e madeira) foram escolhidos pensando nas diferentes sensações e contrastes, criando um clima natural e aconchegante. A profissional resgatou também os cobogós para dividir um ambiente sem fechá-lo visualmente, garantindo privacidade, mas deixando passar luz e ventilação. Para preencher o ambiente de cerca de 120 m², cinco exemplares de arbustos podocarpus originários da casa, contrapondo com outras plantas, além de Pleomele reflexa e o Phormium tenax (Fórmio), e a espécie Lutiela, uma forração de cor avermelhada. A iluminação é dada nos balanços dos pisos de uma plataforma para outra e pela vegetação. O ambiente termina com um deck feito em pinus tratado.




Espaço Gourmet
Pensando em uma família que gosta de receber e ter amigos a sua volta, o arquiteto Aldomar Caprini e a designer de interiores Sueli Cardoso criaram uma grande ilha de trabalho, feita em Cesarstone (material sintético) e com as portas em vidros acetinados. A bancada do espaço foi toda moldada no material sintético, assim como as cubas, escorredores e pequenos detalhes de apoio. O ambiente, de 80 m², tem iluminação indireta embutida e ganhou porcelanato nos pisos e paredes. Uma grande foto assinada por Vera Ferro destaca-se no espaço.  Pensando na sustentabilidade, os profissionais utilizaram madeira de demolição na área do lounge.


Tchau! ;)

Um comentário:

  1. Boa tarde! Gostaria de saber se o Jardim do SPA é do estilo contemporâneo?
    Estou fazendo um trabalho e gostaria de usar o projeto como correlato.
    Obrigada!

    ResponderExcluir